Sábado, 16 de Julho de 2005

sinto-me água

mar.jpg 

Sinto-me água.

Sinto-me a água de um mar com uma profundidade serena.

As marés e a lua agitam essa água, levantando ondas, mas a profundidade da minha interioridade, feita de uma rede compacta de valores e convicções, é inalterável. A suavidade dessa água volta sempre, depois de passada a tempestade. Basta ter a calma necessária para esperar e seguir o caminho da bondade, naturalmente. Através da meditação a água volta a escorrer com quietude, quente, aberta ao repouso das gaivotas...

sinto-me: água
publicado por Isabel às 17:55
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

.sobre mim

.pesquisar

 

.links

.pensamentos recentes

. sinto-me água

.tags

. todas as tags

.Dezembro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
24
25
26
27
28
29
30
31
blogs SAPO

.subscrever feeds