Domingo, 3 de Setembro de 2006

treino da mente

chagall.jpg


«Living in an apartment full of kids and traffic noise, it is very, very hard to develop meditative quiescence. If we are living an active life, or in poor health, or very discouraged, it is difficult to reach meditative quiescence. Many causes and conditions, internal and external, must be brought together in order effectively to develop mental stabilization, and this is true of other practices as well.


But not the Mind Training. This practice comes into its own under precisely such unfavorable conditions. The point, of course, is the transformation of unfavorable circumstances into the path, so that they become aids to our spiritual practice. ... There is no ground for procrastination in this practice, no way to ever say, "I really want to practice Mind Training, but first of all I have to. . . ." All circumstances nurture this practice.»


in The Seven-Point Mind Training (first published as A Passage from Solitude : Training the Mind in a Life Embracing the World), by B. Alan Wallace. Copyright 1992 by Snow Lion Publications, Ithaca, New York 14851.~


Penso que não preciso de traduzir, não é? A fotografia é uma pintura de Chagall. Hoje sinto... sinto a chegada do Outono com os cheiros fortes a terra e... sinto uma profunda solidão...

publicado por Isabel às 21:03
link do post | comentar | favorito
|
7 comentários:
De isabel a 7 de Setembro de 2006 às 00:25
Diana,Zeca, Rita, Nuno, João, H... vocês são gente linda e fazem-me sorrir, mas às vezes preciso de sentir a pele... e este espaço só existe ciber-pele (por falar em «pele» qual de vocês conhece e já leu "A pele da cultura?" mt bom...) obrigada pelos comentários bonitos
De joao a 6 de Setembro de 2006 às 17:53
Isabel, espero que essa solidão te tenha passado. Ou melhor que a tornes numa companheira de caminho. Que ela seja aceite em ti como o sal foi aceite pela água. É sempre bom e motivador vir ao teu site. De momento estou de férias, mas volto na segunda quinzena de Setembro. Um abraço companheiro.
De H K Merton a 5 de Setembro de 2006 às 16:37
Alguma vez já te sentiste só, mesmo estando no meio de uma multidão? Pois então, o contrário também acontece.

Canaliza tua atenção para o interior dos seres, sente a vida pulsando a tua volta, e nunca mais te sentirás sozinha! Solidão é só um estado de espírito.
De Rita a 5 de Setembro de 2006 às 10:07
Ai ai isso parece indicado para mim, que passo o dia a correr. Admito que estou um bocadito viciada no "stress", é melhor do que parar para pensar. São fases..
Um abraço, obrigado por partilhares:)
De troblogdita a 4 de Setembro de 2006 às 23:44
:-D Levanta a cabeça para o sol. Ou sente como é boa a temperatura na pele, o calor. O conforto. Ou lembra-te da impermanência. Mesmo a impermanência destas coisas que te disse. E há outras pessoas, a caminhar. Também elas passam por isto. Algumas delas até gostam muito desse teu abraço, que cura melancolias e espalha luz.
Um beijo, nuno.
De zeca a 4 de Setembro de 2006 às 19:08
Solidão?! Hum... É só um "sentir"... Um "sentir" que decidiste "sentir". E que tal experimentares outro "sentir"?!

Um abraço cheio de Luz
De DC a 4 de Setembro de 2006 às 15:52
Solidão??!! Disseste solidão?? Hey! Nós estamos aqui deste lado. Um xi-coração.

Comentar post

.sobre mim

.pesquisar

 

.links

.pensamentos recentes

. Natal - tempo de PAZ

. procure a riqueza em si

. a vida

. amor-cisne

. como distinguir o amor ve...

. meu amor

. dor amor

.tags

. todas as tags

.Dezembro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
24
25
26
27
28
29
30
31
blogs SAPO

.subscrever feeds