Sábado, 4 de Dezembro de 2004

energias

agua.JPG

O nosso corpo e mente, tal como tudo o resto no universo, funciona por energias. Facilmente percebemos as energias quando entramos, por exemplo, num local de grande sofrimento e sentimo-nos inclusive contagiados. Quando alguém se ri entusiasticamente mesmo sem nós sabermos porquê, começamos a rir também. Estas formas de energia entram e saem livremente pelo corpo, circulando por canais e centrando-se em alguns pontos vitais conhecidos por Chakras. É importante manter o bom funcionamento destes canais para que a energia circule bem; quando a energia está equilibrada sentimo-nos felizes, quando está desquilibrada, surge a doença, o mau-estar e desequilíbrios emocionais. Há várias maneiras de equilibrar a energia no organismo e na mente. De todas, as que conheço melhor são: yoga e e a meditação. O yoga surgiu na Índia há milhares de anos e é uma boa maneira de equilibrar as energias corporais. Não precisa de estar associado a nenhuma crença ou religião, pode simplesmente ser praticado como um exercício de flexiblização do corpo, controle da respiração, ajudando a uma atitude mais serena. A meditação, da mesma forma, ajuda a relaxar e favorece a concentração. Pode ser usada com suportes como, por exemplo, mantras (sons repetidos), visualizações ou simplesmente com o suporte da respiração. Pode ainda ser usada sem nenhum tipo de suporte. Neste caso, a meditação consiste num processo simples (atenção - simplicidade não é sinónimo de facilidade) de estar aqui e agora, um processo de atenção plena, de abertura da percepção, de integração. Qualquer que seja o método, o importante é que a serenidade atenta tem como consequência a aquisição de uma maior consciência global que leva a uma conexão com o todo, integrando de forma mais harmonia  o universo; chamando a nós todas as energias ficamos mais bem preparados para aceitar o potencial infinito.

publicado por Isabel às 19:27
link do post | comentar | favorito
|
2 comentários:
De jorge a 6 de Dezembro de 2004 às 11:58
oi, sou o jorge e pratico yoga, o teu blog foi uma surpresa hj, tava na esperança realmente de encontrar algo de interessante...olha o site q tem as fotos de água é maravilhoso, e eu tinha-me esquecido da morada, agora não esqueço mais...talvez possamos trocar algumas ideias...bjinhs
------------------------------------------------------------------------RESPOSTA: Olá Jorge, é uma boa ideia trocarmos ideias e experiências; sempre que quiseres, o meu e-mail é: nyamnyid@sapo.pt
Até breve :) isabel
De andreia a 6 de Dezembro de 2004 às 11:37
Meditar para mim tem sido dificil.... Falta-me prncipalmente disciplina e rigor.... Depois quando me concentro, na respiração, por exemplo, por vezes perco-me em pensamentos.... cada vez com menos frequencia, mas ainda me perco.... Prende-se se calhar com a expectativa de analisar se estou ou não em estado meditativo.... andreia
------------------------------------------------------------------------RESPOSTA: Sim, meditar é exactamente deixar de ter expectativas, é parar... parar completamente, parar tudo, parar o corpo e parar a mente, mas tentar é já excelente, o importante é não haver uma atitude dura para connosco do tipo "Ah, bolas, estou a pensar", mas mais do género (e com um tom de voz ainda que interior muito meigo) "pensamento", colocando apenas um rótulo, uma etiqueta àquele fluxo de pensamento.
Continua um pouquinho todos os dias. Isabel :)

Comentar post

.sobre mim

.pesquisar

 

.links

.pensamentos recentes

. Natal - tempo de PAZ

. procure a riqueza em si

. a vida

. amor-cisne

. como distinguir o amor ve...

. meu amor

. dor amor

.tags

. todas as tags

.Dezembro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
24
25
26
27
28
29
30
31
blogs SAPO

.subscrever feeds